Filtros de ar condicionado oferecem mais segurança e economia

0 comment

Extremamente importantes para a preservação da saúde dos pacientes, os filtros também são aliados nos custos operacionais.

Os hospitais, são instituições que estão em funcionamento 24 horas por dia e grandes consumidores de energia elétrica.

Uma parcela considerável desse consumo está diretamente relacionada aos componentes do sistema AVAC (Aquecimento, Ventilação e Ar Condicionado). E para que esses custos sejam menores, os filtros de ar são fundamentais.

Além disso, os hospitais são locais de tratamento de doenças (essa é a sua principal finalidade), entretanto, e caso não contem com um bom sistema de filtragem de ar, podem facilmente tornar-se um ambiente de fonte de contaminação. Afinal, os vírus podem ser transmitidos por via aérea.

Sendo assim, quanto maior a qualidade dos filtros utilizados, maior também será a circulação de um ar puro, com a quantidade mínima de bactérias. O hospital deve, obrigatoriamente, contar com um bom sistema que impeça que os pacientes debilitados sejam infetados com alguma doença que seja originada durante o período que eles estiverem no hospital”.

Portanto, é primordial que alguns ambientes contem com um bom sistema de filtragem de ar, para a preservação da saúde dos pacientes: Pós-operatórios; Salas de cirurgia; Salas de esperas; UTI; UTI Neonatal; UTI Pediátrica.

A aplicação de um sistema eficiente para realizar a filtragem de ar em hospitais tem um impacto significativo. Segundo pesquisas, a melhoria na qualidade do ar interior em ambientes hospitalares resulta na redução dos custos com assistência médica e ausência no trabalho de 9 a 20%.

Isso quer dizer que os hospitais que possuem ambientes com controle eficaz das impurezas que estão presentes no ar resultam na diminuição do tempo de estadia dos pacientes. E, além disso, diminuem os custos operacionais, gerando mais segurança às pessoas e economia para o hospital.

Share this:

Leave a Comment

Your email address will not be published.

Seleção de Escovas

Escovas de Nylon.

Fio de náilon macio variando de 200 mm a 800 mm usadas para tirar gorduras leves e usadas na limpeza dupla para trazer de volta o depósito de espuma, água e graxa para permitir uma limpeza fácil.

Escovas Mistas (Nylon e Aço)

Mistura de aço e nylon. O aço corta a graxa para permitir que a espuma trespasse a graxa e se separe do duto. A flexibilidade do aço e do náilon permitem que, ao limpar o duto quadrado, chegue aos cantos mais difíceis.
Os tamanhos variam de 200 mm - 800 mm. Tamanhos especiais de pincel podem ser feitos.

PBT

Escovas fortes, ótimas para limpar depósitos de adulação carbonizada que precisem de ser tranformados antes de permitir que a espuma corra a graxa para remoção da gorduras. As crinas são fortes e de longa duração. Os tamanhos variam de 200 mm a 800 mm, e podendo ser feito tamanhos especiais de escovas.

Abastecimento de ar HEY

Pressão 10 bar.

Fluxo de ar: 200 litros / min; motor 2,2 Kw - 3Hp. 1400 rpm.

Rotação do elemento axial, tanque de tubo de 3 litros, alça extensível.

80 Db.

480x560x400 mm

Caixa de espuma HEY

6m Mangueira.

Altura: 31cm

Largura: 40cm

Profundidade: 28cm

Peso: 12,5 kg

Robô Escova HEY

Pressão Requer ar comprimido de 8 Bar / 116 psi.

Fluxo de ar: 250 litros / min

Altura 103 cm / 113 cm.

Largura 40cm

Peso 57 kg / 75kg